00
00
top
menu down




00


 
Titulo


Efemérides do mês de Fevereiro

Dia

Aniversariantes/Comemorações

1

1737. É observado um cometa em Lisboa.

1850. A proposta de Lei da Liberdade de Imprensa, conhecida por "Lei da Rolha", é apresentada na Câmara dos Pares do Reino. Almeida Garrett, Alexandre Herculano e Lopes de Mendonça contestam o diploma.

1890. É constituída a Liga Patriótica do Norte, do escritor Antero de Quental, "por amor à Liberdade". É tocada, pela primeira vez, num sarau em Lisboa, "A Portuguesa", de Alfredo Keil e Lopes de Mendonça.

1908. Assassinato do rei D. Carlos e do príncipe D. Luís Filipe no Terreiro do Paço, em Lisboa.

1918. É criada a Direcção dos Serviços da Subsistência Pública, para a importação e exportação dos géneros alimentares.

1933. O ministro português da Obras Públicas Duarte Pacheco encomenda o estudo para a construção de uma ponte sobre o Tejo, em Lisboa, entre o Beato e o Montijo.

1946. São libertados 110 presos políticos até então detidos no Campo do Tarrafal.

1951. Getúlio Vargas é investido presidente do Brasil.

1984. Sai o primeiro número do África Jornal.

1988. A Agência LUSA abre a delegação em Macau.

2003. Entra em vigor o Tratado de Nice da União Europeia.



2

Dia Mundial das Zonas Húmidas

1153.
Doação do Couto de Alcobaça aos monges cistercienses. No mesmo ano começa a construção do Mosteiro.

1387. D. João I casa-se com D. Filipa de Lencastre.

1502. Nasce Damião de Góis, humanista português, escritor, diplomata e historiador.

1535. É fundada a cidade de Buenos Aires.

1559. D. Constantino de Bragança toma Damão, na Índia.

1594. Morre o compositor italiano Palestrina, nome essencial da música da Renascença.

1635. Os holandeses fundam Nova Amesterdão, actual cidade de Nova Iorque.

1641. Prisão em Viena de Áustria do Infante D. Duarte, irmão de D. João IV, por pressão espanhola.

1734. Forte abalo de terra em Faro e Portimão.

1808. As forças francesas de Napoleão ocupam Roma, depois de o Pio VII se ter recusado a reconhecer o Reino de Nápoles.

1811. Pedro João Baptista e Amaro José chegam a Tete, em Moçambique, completando assim a travessia de África, de costa a costa, iniciada em 1802 em Angola, em Cassengue.

1832. Guerra Civil portuguesa. É publicado o manifesto liberal de D. Pedro.

1882. Nasce, em Dublin, na Irlanda, o escritor James Joyce, romancista, autor de "Ulisses".

1890. "A Portuguesa", o actual hino nacional,  é executado pela primeira vez, num sarau realizado em Lisboa.

1917. Grande Guerra 1914-18. As primeiras tropas portuguesas chegam a Brest, em França.

1920. A Estónia assina a paz com a Rússia e declara a independência.

1936. Morre o fisiologista russo Ivan Pavlov, Nobel da Medicina em 1904.

1939. Nasce o cineasta português João César Monteiro, realizador de "Recordações da Casa Amarela", "Vai e Vem".

1947. Um avião Dakota, da carreira Paris-Lisboa, embate na serra de Sintra. Morrem 17 pessoas.

1948. Portugal e os EUA assinam o acordo que renova a concessão do aeródromo das Lajes, Açores.

1961. Desembarcam no Recife, Brasil, os cerca de 600 passageiros que seguiam a bordo do Santa Maria, apresado pelo Capitão Henrique Galvão, numa tentativa de denúncia da ditadura Portuguesa.

1970. Morre o filósofo britânico Bertrand Russel.

1971. Assinatura da Convenção de Ramsar, ou Convenção sobre as Zonas Húmidas de Importância Internacional, especialmente enquanto "Habitat" de Aves Aquáticas.

1972. Manifestantes destroem a embaixada britânica em Dublin.

1975. Trabalhadores rurais ocupam terras abandonadas nas herdades do Picote, em Montemor-o-Novo, e da Defesa, em Évora. Os acontecimentos marcam o início da Reforma Agrária e precedem a proposta do Governo.

1979. Morre Sid Vicious, 21 anos, líder dos Sex Pistols, referência do movimento Punk.

1976. Aprovação da Constituição, pela Assembleia Constituinte eleita em 25 e Abril de 1975.

1981. O Ministério dos Transportes apresenta o resultado do inquérito ao acidente de Camarate, em que perderam a vida, entre outros, o primeiro-ministro Francisco Sá Carneiro, e o ministro da Defesa, Adelino Amaro da Costa. A conclusão final diz não ter havido intervenção ilícita ou criminosa no bimotor Cessna.

1984. É aprovada a criação do Conselho Permanente de Concertação Social, órgão de carácter consultivo e de composição tripartida (Governo-Patrões-Sindicatos).

1990. Libertação do líder negro sul-africano Nelson Mandela, preso há mais de 30 anos.

1996. Morre o actor norte-americano Gene Kelly, 83 anos, protagonista de "Serenata à Chuva".

1999. Hugo Chávez assume a Presidência da Venezuela.

2001. Morre o dirigente socialista Francisco Marcelo Curto, 63 anos, ministro do Trabalho no I Governo Constitucional.

2003. Um desabamento de terras, causado por chuva intensa, destrói o troço da Estrada Nacional 222 de ligação a Armamar, Lamego.

2004. Morre o general Kaúlza de Arriaga, 89 anos, "ultra" da ditadura do Estado, comandante das Forças Terrestres em Moçambique, responsável pela operação Nó Górdio e criador dos Grupos Especiais, que levaram aos massacres no Norte de Moçambique, em 1971-73.

2005. É aprovado o pacote anti-tabaco que proíbe a venda de cigarros a menores de 16 anos e impõe a criação de espaços para não fumadores, nos restaurantes. O novo Exército Republicano Irlandês retira a oferta de deposição das armas, feita em Dezembro.

2006. A primeira tentativa de casamento entre duas pessoas do mesmo sexo, em Portugal, é rejeitada pela 7ª Conservatória do Registo Civil de Lisboa. O Prémio de Poesia Luís Miguel Nava 2005 é atribuído à obra "Duelo", do escritor Luís Quintais. Morre José Salvado Sampaio, 84 anos, professor, pedagogo, sindicalista, um dos promotores da Lei de Base do Sistema Educativo.

2007. É apresentado o plano da ONU sobre o futuro estatuto do Kosovo. O plano é apoiado por Pristina e rejeitado por Belgrado. É divulgado em Paris o relatório do Painel Intergovernamental para as Alterações Climáticas da ONU. A Itália assume o comando da Força Interina das Nações Unidas no Líbano - FINUL. Morre Eric Von Schmidt, 75 anos, poeta, pintor e compositor de música "folk" norte-americano. Morre Joe Hunter, 79 anos, pianista norte-americano da banda "Funk Brothers", primeiro "bandleader" da Motown.

2008. Várias dezenas de milhares de pessoas manifestam-se em Ancara contra um projecto de levantamento da proibição do véu islâmico nas universidades, apresentado pelo governo turco como uma reforma necessária no caminho para a adesão à União Europeia. O presidente do Chade Idriss Deby é cercado no edifício da presidência em Djamena pelos rebeldes chadianos que se apossaram da capital. Pelo menos 20 pessoas morrem e 50 outras ficam feridas num atentado ocorrido numa estação rodoviária no centro-norte do Sri Lanka, onde os confrontos marcam presença diária



3

1468 - Data provável da morte do alemão Johann Gutemberg, criador da impressora.

1480 - Nasce o navegador português Fernão de Magalhães.

1488 - Bartolomeu Dias dobra o Cabo da Boa Esperança.

1536 - Morre, em Évora, o poeta e cronista português Garcia de Resende, compilador do Cancioneiro Geral.

1789 - É criada a Junta de Exame e Revisão do Código Legislativo português.

1809 - Nasce o compositor alemão Felix Mendelssohn, nome essencial do Romantismo.

1879 - É eleita a nova direção do Partido Republicano, composta por Oliveira Marreca, Latino Coelho, Sousa Brandão, Bernardino Pinheiro e Eduardo Maia.

1888 - É fundada a Associação Lisbonense de Proprietários.

1894 - O primeiro veleiro com casco de aço, Dirigo, é lançado à água em Bath, Inglaterra.

1904 - Nasce o compositor italiano Luigi Dallapiccola.

1915 - Grande Guerra de 1914-18. Partem tropas expedicionárias portuguesas para Angola.

1927 - Revolta Reviralhista, no Porto, primeiro levantamento contra a ditadura militar, saída do Golpe de 28 de maio de 1926.

1942 - Morre, em Lisboa, o escritor português e arabista David Lopes.

1943 - II Guerra Mundial. Bombardeiros britânicos atacam a cidade alemã de Hamburgo.

1957 - Gaston Lagaffe, Gastão Da Bronca, personagem de BD criada por Franquin, surge pela primeira vez na revista Spirou.

1969 - Assassínio de Eduardo Mondlane, primeiro presidente da FRELIMO - Frente de Libertação de Moçambique, em Der-es-Salaam, na Tanzânia, num atentado bombista, patrocinado pela PIDE.

1971 - A nave espacial norte-americana Apollo-14 entra em órbita lunar.

1973 - Termina a guerra do Vietname, na data formalmente acordada no cessar fogo entre os EUA e o Vietname do Norte. O acordo de paz será assinado mais tarde, em Paris.

1975 - O ministro português da Economia Rui Vilar apresenta os diplomas que regulam a reforma agrária.

1979 - Torres Vedras é elevada a cidade.

1982 - Os estados membros da CEE acordam participar no desenvolvimento das infraestruturas do interior de Portugal.

1985 - Sobreviventes dos campos de concentração nazi reúnem-se em Jerusalém para inaugurar o monumento as vítimas do campo de extermínio de Auschwitz.

1988 - Os 17 tripulantes da caravela Bartolomeu Dias desembarcam em Mossel Bay, na África do Sul, exactamente 500 anos depois do navegador português.

1989 - Morre o ator e cineasta norte-americano John Cassavetes, 59 anos, realizador de "Shadows", "A Child is Waiting", "Glória", "Love Streams".

1990 - VI Cimeira Ibérica. É antecipada a livre circulação de pessoas entre os dois países, em relação ao calendário europeu.

1991 - O Partido Comunista Italiano assume a designação Partido Democrático de Esquerda.

1994 - Termina o embargo económico dos EUA ao Vietname, que vigorava há 19 anos.

1995 - Morre a cantora e atriz Maria da Graça, 74 anos, coprotagonista de "O Pátio das Cantigas".

2001 - Vitória de Ariel Sharon atribui ao líder da direita israelita a chefia do Governo.

2003 - Morre o cineasta João de César Monteiro, realizador de "Veredas", "Recordações da Casa Amarela", "Vai e Vem", Leão de Prata, Grande Prémio do Júri e Prémio da Crítica, em Veneza.

2004 - Medidas antiviolência nos campos de futebol estabelecem a criação do cadastro de adeptos e o reforço do policiamento nos estádios. A CIA reconhece que as alegadas armas de destruição maciça iraquianas não constituíam uma ameaça. Assinatura de novo contrato de gestão entre o Estado e os responsáveis pelo Hospital Amadora-Sintra, o primeiro hospital público com administração privada.

2005 - Relatório preliminar da investigação ao programa humanitário para o Iraque Petróleo por Alimentos da ONU responsabiliza o diretor pela má gestão de fundos e possível corrupção. Israel aprova a retirada de tropas da Cisjordânia. Morre Ernst Mayr, 100 anos, biólogo e investigador britânico, dito "o Darwin do Século XX".

2006 - Manifestações no Reino Unido, Gaza, Jordânia, Irão, Turquia, Indonésia, Síria e Marrocos em protesto pela publicação de caricaturas do profeta Maomé, num semanário dinamarquês, no final de 2005. A pílula abortiva, até às nove semanas, passa a ser adotada pelos hospitais portugueses. Morre José Vitoriano, 88 anos, antigo dirigente do PCP e vice-presidente da Assembleia da República.

2007 - Grupo de 46 países, incluindo Portugal, propõe a criação de uma organização das Nações Unidas para o meio ambiente. A etíope Meseret Defar bate o recorde mundial dos 3.000 metros em atletismo em pista coberta, em Estugarda.

2008 - É desmantelada uma célula terrorista paquistanesa em Barcelona (Espanha), onde deveria realizar um ataque no metropolitano, o qual constituiria o batismo do líder islamita radical Amir Baitulá Mehsud. Portugal seria um dos alvos europeus da referida célula. "Fado da saudade", de Carlos do Carmo e Fernando Pinto do Amaral, vence o prémio Goya para Melhor Canção Original na 22ª edição dos Prémios Goya, no Palácio dos Congressos, em Madrid

2009 - Caso BPN. As perdas são estimadas em 1,8 mil milhões de euros, segundo o administrador da instituição Norberto Rosa, ouvido na Comissão Parlamentar de Inquérito à nacionalização do banco. O presidente do banco, Francisco Bandeira, admite que "existem compradores para o BPN, internos e externos", perante a Comissão. Morre António dos Reis Rodrigues, bispo auxiliar emérito do Patriarcado de Lisboa e bispo titular de Madarsuma, 90 anos.


4

1799. Nascimento de Almeida Garrett, no Porto, a quem é dado o nome de João Baptista da Silva Leitão. Só mais tarde acrescentará os apelidos pelos quais será conhecido.

1808.
Napoleão Bonaparte determina a cobrança, em Portugal, do imposto extraordinário no valor de 100 milhões de francos.

1837.
A Escola Politécnica é instalada no antigo Colégio dos Nobres.

1844. Revolta de Torres Novas, de inspiração Setembrista, contra o governo de Costa Cabral, que falha por falta de apoio popular e do exército.

1872.
O ministro português da Fazenda Fontes Pereira de Melo propõe novos impostos para acabar com o défice orçamental.

1881. Nascimento do Professor e Poeta João de Barros.

1885.
Remodelação governamental. Fontes Pereira de Melo abre o Ministério das Obras Públicas.

1904. 1. Um grande número de trabalhadores portuários e metalúrgicos junta-se ao movimento grevista dos metalúrgicos, começado em 7 de Dezembro do ano anterior. O movimento fracassa completamente. 2. Tem início a Guerra Russo-Japonesa.

1905. Manifestação de apoio ao Partido Republicano, em Lisboa.

1938. Na Alemanha, Adolf Hitler centraliza o Governo, toma a pasta da Guerra e nomeia Joachim von Ribbentrop ministro dos Negócios Estrangeiros.

1945. Começa a Conferência de Ialta, na Crimeia, no Sul da antiga União Soviética. Estaline, Roosevelt e Churchill discutem a rendição incondicional da Alemanha.

1947. Morre Luigi Russolo, 61 anos, artista plástico e compositor futurista italiano, autor de "L'Arte dei Rumori", criador da "Grafia enarmonica per gl'intonarumori", precursora da notação contemporânea.

1948. Independência do Ceilão, actual Sri Lanka.

1961. Tem início a Guerra de Libertação de Angola, com o ataque do MPLA à Casa de Reclusão Militar, ao quartel da PSP e à delegação da Emissora Nacional em Luanda e da UPA no Norte da província.

1963. É pedido o boicote económico e diplomático a Portugal, na III Conferência Afro-Asiática. Em Argel, é constituído o Governo de Angola no exílio.

1964. A Organização Internacional do Trabalho, OIT, condena o sistema corporativo da ditadura portuguesa.

1973. Hussein da Jordânia cessa as hostilidades a Israel.

1975. É inaugurada a sede da Sociedade Portuguesa de Autores.

1979. A equipa de atletismo do Sporting Clube de Portugal, constituída por Fernando Mamede, Aniceto Simões e Carlos Lopes, revalida o título europeu de corta-mato.

1982. O PCP apresenta na Assembleia da República três projectos de diplomas: protecção e defesa da maternidade, garantia do direito ao planeamento familiar e educação sexual, interrupção voluntária da gravidez. O conselho permanente do Episcopado Português criticará o projecto sobre o aborto no dia 8 de Fevereiro. A Lei de do Aborto será aprovada em 14 de Fevereiro de 1984.

1985.
É inaugurado o Museu Nacional do Teatro.

1992. Morre, em Lisboa, a pianista, pedagoga e compositora de origem catalã Constança Capdeville.

1997. O Tribunal Cível de Los Angeles condena o ex-futebolista norte-americano OJ Simpson ao pagamento de mais de um milhão de dólares de indemnização pela morte de sua mulher e do amigo.

1998. A Assembleia da República aprova o projecto de Lei que despenaliza o aborto até às 10 semanas.

2001. Morre o compositor francês de origem grega Iannis Xenakis, 78 anos.

2003. Começa a demolição da Aldeia da Luz, no Alentejo. A Federação Jugoslava passa a Sérvia e Montenegro.

2004. É publicado em DR o novo regime de subsídio de doença. Morre a escritora brasileira Hilda Hilst, 73 anos, autora de "Cascos e Carícias".

2005. É raptada a jornalista italiana Giuliana Sgrena, 56 anos, enviada ao Iraque do jornal Il Manifesto. O sargento norte-americano Javal Davis, da cadeia de Abu Ghraib, em Bagdad, é condenado a seis meses de prisão e ao afastamento do Exército.

2006. A Agência Internacional de Energia Atómica (AIEA) remete o dossier nuclear iraniano para o Conselho de Segurança da ONU. Morre Betty Friedan, 85 anos, psicóloga norte-americana, precursora do feminismo moderno, autora do manifesto "The Feminine Mystique". Morre Osvaldo Serra Van-Dúnem, 56 anos, ministro angolano do Interior.

2007. A China lança na Zâmbia uma zona de cooperação económica e comercial em África, a primeira das cinco que pretende estabelecer no continente. Grã-Bretanha entrega o comando das forças da NATO no Afeganistão aos Estados Unidos. Telmo Moreira, aluno da Escola de Dança do Conservatório Nacional, fica em quinto lugar entre os seis laureados na final do concurso "Prix de Lausanne", que premeia jovens bailarinos amadores, entre os 15 e os 18 anos. Morre Barbara McNair, 72 anos, actriz e cantora norte-americana. Morre Carlos Silva, 72 anos, vice-presidente da Federação Portuguesa de Futebol.

2008. Três bancos de Wall Street juntam-se, pela primeira vez, à luta contra as alterações climáticas, anunciando que se basearão nos "princípios do carbono" para dificultarem às empresas energéticas financiamentos para centrais eléctricas a carvão A NASA divulga a canção dos Beatles "Across the Universe" no cosmos, uma estreia absoluta, para celebrar simultaneamente o cinquentenário da agência espacial norte-americana e o nascimento do grupo britânico. Morre o lendário percussionista cubano Tata Guines num hospital de Havana, com 77 anos. O "Rei do Tambor", como Tata Guines era conhecido, tinha sido hospitalizado na sequência de uma infecção renal, cancelando uma digressão pela Europa.

5

1644. Partida de Lisboa da embaixada de Gonçalo de Siqueira ao Japão.

1722. É criada, no Porto, a primeira corporação de bombeiros da cidade, A Companhia do Fogo.

1768. O Marquês de Pombal cria, em Lisboa, a Real Mesa Censória, separando as funções da Igreja das do Estado. A Inquisição perde os poderes de exame prévio.

1818. Portugal assina o tratado de amizade com os EUA.

1827. Luta pelo Liberalismo, em Portugal. Acção de Ponte da Barca. As forças absolutistas são repelidas para Espanha.

1869. É fundado o Diário dos Açores.

1882. Morre António Alves Martins, bispo de Viseu, liberal, célebre pelas preocupações de justiça social e pelo anti-dogmatismo. Foi Ministro do Reino, deputado, lente da Universidade de Coimbra, responsável pelo Hospital de S. José, em Lisboa.

1885. É estabelecido o Estado do Congo, domínio pessoal do Rei Leopoldo II da Bélgica.

1887. Estreia-se a ópera "Otello", de Verdi, no Teatro La Scala.

1891. Reabrem as câmaras dos Deputados, em Lisboa, para votarem as bases de um empréstimo de 39 mil contos de réis, para a regularização das contas públicas, e a atribuição do monopólio do tabaco.

1892. Manuel de Arriaga, deputado republicano, propõe o inquérito ao antigo ministro da Fazenda, perante a dimensão do défice público.

1911. Nasce cantor lírico Jussi Björling, eleito o maior tenor do século XX, com Enrico Caruso e Benjamino Gigli.

1918. A República Russa separa-se da Igreja ortodoxa.

1925. É fundado o Seixal Futebol Clube.

1962. O presidente francês Charles de Gaulle manifesta-se a favor da independência da Argélia.

1971. Os astronautas norte-americanos Alan Shepard e Edgar Mitchell descem na Lua, depois da viagem da nave Apollo-14.

1974. Tropas das Nações Unidas criam a zona tampão entre Israel e o Egipto.

1980. Primeiro dia da "Marcha Cambodjana para a Sobrevivência".

1981. Intervenção dos comandos sul-africanos em Matola, Moçambique, provoca a morte de sete pessoas. O Governo português condena o ataque.

1983. O antigo oficial nazi Klaus Barbie chega a França depois de extraditado da Bolívia para ser submetido a julgamento.

1987. Morre o jornalista português António Rolo Duarte, 56 anos.

1990. Mikhail Gorbachov afirma ter chegado a altura de o Partido Comunista disputar com outros partidos o direito de governar o país.

1992. É localizado o navio luso-guineense Bolama, afundado entre os cabos Raso e Espichel, dois meses antes.

2003. O secretário de Estado norte-americano Colin Powell defende, no Conselho de Segurança da ONU, que o regime iraquiano representa um perigo iminente.

2004. É assinado o acordo de revisão dos preços de fornecimento de electricidade da central de Cahora Bassa à África do Sul.

2005. Reunião do G7. Os sete países mais ricos admitem a possibilidade de anular "até 100 por cento" a dívida dos países mais pobres. Morre Guenter Reimann, 100 anos, economista e jornalista norte-americano, fundador da International Reports On Finance And Currency. Participou na criação da Zona Franca da Madeira.

2006. Embaixada da Dinamarca, em Beirute, é incendiada durante o protesto pela publicação das caricaturas de Maomé, manifestado na capital libanesa. Morre David de Sousa, 94 anos, arcebispo emérito da Arquidiocese de Évora.

2007. É publicada em Diário da República a lei que cria o Cartão Único do Cidadão. O antigo primeiro-ministro timorense Mari Alkatiri confirma o arquivamento do processo de que foi alvo por alegada distribuição de armas a civis em Abril/Maio de 2006. O escritor português António Ramos Rosa é nomeado pelo PEN Clube de Portugal candidato ao Prémio Nobel da Literatura de 2007. Morre John Beckett, 80 anos, músico e compositor irlandês, primo do escritor e dramaturgo Samuel Beckett, autor da música do filme "Ulysses" (1967), de Joseph Strick. Morre Manuel João Gomes, 60 anos, tradutor e crítico de teatro, antigo colaborador do Público, Prémio PEN Clube de Tradução 1988 por "A Vergonha", de Salman Rushdie, co-fundador do Teatro de Campolide, viúvo da escritora Luíza Neto Jorge.

2008. A esquadra de aeronaves "Lockheed P-3P Orion" de patrulhamento marítimo, guerra anti-superfície e anti-submarina começa a ser transferida da Base Aérea de Sintra para a de Beja. A capital moçambicana é palco de violentas manifestações de populares em protesto contra a entrada em vigor da nova tarifa dos transportes semi-colectivos ("chapa"). Morre Maharishi Mahesh Yogi, o guru indiano que divulgou as técnicas de meditação transcendental aos Beatles e a milhões de outros em todo o mundo.

6

1608. Nascimento do Padre António Vieira.

1715. Tratado de paz e amizade entre D. João V e Filipe V de Espanha, assinado em Utreque,  e garantido por Jorge I de Inglaterra, dois anos depois do assinado com a França de Luís XV. Portugal recebe a Colónia do Sacramento, no actual Uruguai.

1918. No Reino Unido, é concedido o direito de voto às mulheres com mais de 30 anos de idade.

1951. Morte do Actor Estêvão Amarante.

1992. São atribuídos os 3º e 4º canais de televisão, respectivamente à SIC e à TVI. A SIC iniciará as suas emissões em 6 de Outubro, e a TVI em 30 de Janeiro de 1993.


7

Dia do Gráfico

1894. Morre o musicólogo alemão e construtor de instrumentos Adolfo Sax, criador do saxofone.

1900.
Com a criação da Comissão representativa do Trabalho tem origem o futuro Partido Trabalhista inglês.

1915. Primeira sagração episcopal na República Portuguesa. António Manuel Pereira Ribeiro ascende a bispo do Funchal.

1927. Revolta do Reviralho, em Lisboa. A acção justifica a criação da Polícia de Informações, na base da PVDE/PIDE-DGS.

1944. II Guerra Mundial. Forças alemãs atacam a frente aliada em Anzio, Itália.

1947. É rejeitada a proposta britânica para a divisão da Palestina em duas zonas, árabe e judaica, sob administração conjunta.

1952. Morre o poeta português Sebastião da Gama, autor de "Serra-Mãe".

1962. Morrem 298 mineiros na explosão da mina de carvão de Saarbruecken, Alemanha Federal.

1965. Guerra do Vietname. Começam os bombardeamentos aéreos pela aviação dos EUA.

1974. Independência de Granada, nas Antilhas.

1975. É criado o IAPMEI, Instituto de Apoio às Pequenas e Médias Empresas.

1976. O Governo português consagra o direito de licença de parto por 90 dias a todas as mulheres trabalhadoras.

1980. Liberalização da rádio e da televisão na República Federal Alemã.

1984. Membros da FP-25 assaltam uma viatura de transporte de valores, no centro de Lisboa. O roubo atinge cerca de 540 mil euros (108 mil contos). Morre o actor português Francisco Ribeiro, Ribeirinho, 73 anos, responsável pela estreia em Portugal de Samuel Beckett.

1985. O capitão da polícia secreta polaca Grzegorz Piotrowski é condenado a 25 anos de prisão pelo assassínio do padre Popieluszko.

1986. O antigo presidente do Haiti, Jean-Claude Duvalier, abandona o país. A candidata da oposição à Presidência das Filipinas Corazón Aquino proclama a vitória sobre o ditador Ferdinando Marcos.

1990. Maria Branca dos Santos ou D. Branca, a Banqueira do Povo, é condenada a dez anos de prisão.O Partido Comunista da URSS acata o pluralismo partidário.

1991. O IRA ataca a Downing Street, em Londres. Toma posse o padre Jean-Bertrand Aristide, primeiro presidente do Haiti eleito por sufrágio universal.

1992. É assinado o Tratado da União Europeia, na cidade holandesa de Maastricht.

1995. Jorge Sampaio, presidente da Câmara de Lisboa, anuncia a candidatura à Presidência da República.

1996. O Tribunal da Relação de Évora ordena a extradição, para Itália, de Emilio Giovinne, condenado pela Justiça portuguesa por tráfico de droga.

1997. É assinado, na cidade holandesa de Maastricht o Tratado da União Europeia.

1999. Mário Soares é apresentado como cabeça de lista do PS para as eleições do Parlamento Europeu, no encerramento do XXI Congresso. Morre o rei Hussein da Jordânia, 63 anos. Sucede-lhe seu filho, Abdalá II.

2003. São despedidos 300 trabalhadores da fábrica de calçado C&J Clark, de Castelo de Paiva. O Tribunal Penal Internacional conclui a eleição dos seus 18 juízes.

2004. A União Europeia e os 16 países da África Austral e Oriental começam as negociações para o acordo de livre troca, que se estenderão até 2007.

2005. Oito quadros de Picasso são vendidos por cerca de 13,4 milhões de euros, na leiloeira Christie`s em Londres. Morre John Patterson, 64 anos, realizador de televisão, director da série Os Sopranos.

2006. O movimento radical palestiniano Hamas convida a Fatah, do presidente Mahmud Abbas, para formar Governo de coligação. Libertação do marroquino Mounir el Motassadeq, condenado em Agosto de 2005 na Alemanha, por envolvimento nos atentados de 11 de Setembro de 2001. A Justiça francesa inviabiliza a providência cautelar interposta por organizações muçulmanas francesas destinada a impedir o jornal satírico Charlie Hebdo de publicar as caricaturas de Maomé.

2007. O Presidente de República, Cavaco Silva, promulga a Lei das Finanças Regionais. A polícia austríaca anuncia o desmantelamento de uma rede internacional de pornografia infantil, através da Internet, envolvendo 2.360 suspeitos de 77 países. O Irão testa com êxito o novo sistema de defesa anti-aérea russo TOR-M1. José Manuel dos Santos, cronista do semanário Expresso, é distinguido com o Prémio da Crónica João Carreira Bom/Sociedade da Língua Portuguesa. A poetisa Ana Luísa Amaral vence o Prémio Literário Casino da Póvoa/Correntes d´Escritas, com a obra "A Génese do Amor". Morre Erika Ortiz Rocasolano, 31 anos, irmã da princesa das Astúrias. Morre Alan MacDiarmid, 79 anos, cientista neo-zelandês, Prémio Nobel da Química em 2000. Morre Pedrinho Mattar, 70 anos, pianista brasileiro. Morre António de Seixas da Costa Leal, 86 anos, presidente da seguradora Lusitânia, ex-vice-governador do Banco de Portugal e presidente do Montepio Geral entre 1991 e 2003.

2008. O Ministério Público decide arquivar, por falta de provas que fundamentem a acusação, o processo relativo às agressões de que foi alvo o ex-autarca socialista Ricardo Bexiga. A Equipa de Coordenação do Processo Apito Dourado, liderada por Maria José Morgado, responsabiliza os procuradores do Porto pelo arquivamento do processo. O Parlamento francês ratifica o Tratado de Lisboa, apenas 32 meses depois de os eleitores franceses recusarem num referendo o projecto de Constituição da União Europeia. A Assembleia da República rejeita por maioria quatro propostas de realização de um referendo ao Tratado Europeu com os votos negativos da maioria das bancadas do PS e do PSD. Na Turquia, a revisão da Constituição permite uso do véu na universidade.



8

Carnaval

1711. Alvará em que se determina que só integrando uma frota comercial, poderão os navios estrangeiros comerciar com o Brasil.

1774. Criação no Porto de uma fábrica de camurças, pelicas e pergaminhos.

1942. Óscar Carmona é eleito novamente Presidente da Republica.

1979. Portugal estabelece relações diplomáticas com a República Popular da China.

1985. Morre o escritor José Gomes Ferreira, antigo cônsul de Portugal na Noruega, entre 1925 e 1930, tendo dedicado-se ao jornalismo, à tradução de filmes e à literatura.

1991. Assinatura do acordo de exploração do petróleo no Mar de Timor, conhecido por Timor Gap, pelos governos Australiano e Indonésio.


9




10

1763. Adesão de Portugal ao Tratado de Paris entre a França, Espanha e França que pôe termo à Guerra dos Sete Anos, e à Guerra do Pacto de Família.

1774. É abolida a Inquisição de Goa, por despacho do Marquês de Pombal.

1790. Na continuação das reformas dos conventos, proíbe-se a admissão de noviços e noviças nos mosteiros e conventos.

1792. O príncipe D. João, futuro D. João VI, assume a governação, em nome de sua mãe a rainha D. Maria II.

1842. A Carta Constitucional de 1826 é restabelecida, após ter sido substituída pela Constituição de 1822 e pela nova de 1838 após a Revolução de Setembro de 1836.

1942. O primeiro disco de ouro é atribuído a Glenn Miller.


11

1921. Por falta de azeite, as fábricas de azeite do Algarve são encerradas.

1929. O Estado independente do Vaticano  é estabelecido pelo Tratado de Latrão.

1955. Aniversário da nomeação de Manuel Gonçalves Cerejeira para o colégio cardinalício, enquanto Cardeal Patriarca de Lisboa.

1965. Humberto Delgado regressa clandestinamente a Portugal para participar numa alegada reunião preparatória de um novo golpe militar contra o regime salazarista. Raptado pela polícia política é morto na região de Badajoz. O seu corpo será encontrado no dia 24 de Abril seguinte.

1990. Nelson Mandela, presidente do ANC, é libertado após 27 anos de prisão.



12

1761. Tratado do Pardo entre D. José I de Portugal e Carlos III de Espanha, que substitui o Tratado de Madrid de 1750.

1792. Tem início a Lotaria da Misericórdia do Porto.

1809. Nascimento de Abraham Lincoln, futuro presidente dos estados Unidos da América.

1900. José Bento Ferreira de Almeida, antigo ministro do Ultramar, defende, na Câmara dos Deputados, a venda das colónias, com a excepção de Angola e São Tomé e Príncipe, para se pagar a dívida externa e fomentar o desenvolvimento económico.

 

13

Dia Nacional do Ministério Público

1919.
A "Monarquia do Norte," a Junta Governativa do Reino, presidida por Paiva Couceiro,  é derrotada com a entrada dos republicanos no Porto. A monarquia tinha sido proclamada em Lisboa e no Porto em 19 de Janeiro.

1965. Humberto Delgado é assassinado perto de Badajoz.

1975. Assinatura de um protocolo adicional à Concordata, entre Portugal e a Santa Sé, em que se permite o divórcio aos católicos.

1977. Toma posse a Comissão Instaladora da Condição Feminina.


14

Dia dos namorados

1782. 1.
Reforma pautal com o objectivo de reorganizar as alfândegas. 2. Criação da Companhia dos Guarda Marinhas da Armada portuguesa.

1791. O contrato de diamantes em bruto do Brasil é entregue a Joaquim Pedro Quintela.

1861. Morre o Pintor Francisco Metrass, nascido em 7 de Fevereiro de 1825.

1907. Reconhecimento da liberdade de associação sem autorização prévia.

1931. O controlo estatal da actividade industrial, conhecido por "condicionamento", já exercido nos sectores conserveiro e da panificação, é alargado por meio do Decreto n.º 19.354

1977. Mário Soares, primeiro ministro, visita vários países da Europa ocidental  com a intenção de sondar a receptividade dos países comunitários a um eventual pedido de adesão de Portugal à CEE. Pedido que será formalizado no dia 28 de Março desse mesmo ano.

1984. O texto final da Lei sobre a Despenalização do Aborto é aprovado na Assembleia da República, com os votos favoráveis do PS, PCP, UEDS e MDP.


15

1564. Nascimento de Galileu Galilei, perto de Florença.

1783. Reconhecimento oficial por Portugal da independência dos Estados Unidos da América.

1901. Nascimento do Cavaleiro Tauromáquico João Branco Núncio. Morreu em 26 de Janeiro de 1976.

1911. Criação de uma comissão para o estudo do problema da ortografia. Pretendia-se aproximar a ortografia da fonética.

1928. O ensino misto (ou "coeducação") é denunciado, sendo determinada a "separação dos sexos" em todas as localidades em que houvesse mais do que um estabelecimento de ensino.

 

16

Dia do Repórter

1279. D. Afonso III morre, tendo jurado submissão ao Papado, que o tinha excomungado, no tempo de Gregório X, e lançado um interdito sobre Portugal, no pontificado de João XXI, o papa português. 

1773. São abolidas as distinções entre Cristãos Velhos e Cristãos Novos, mandando-se queimar os registos cadastrais dos cristãos-novos.

1957. Começo da visita oficial da Rainha Isabel II de Inglaterra a Portugal. A visita prolongar-se-à até ao dia 20.

1983. A ONU reafirma o direito à autodeterminação do povo de Timor-Leste.

 

17

1635 - Nasce o compositor italiano Arcangelo Corelli, mestre do violino, precursor da forma moderna de concerto.

1673 - Morre o dramaturgo francês Moliére, Jean-Baptiste Poquelin, autor de "O Avarento", "Le Bourgeois Gentilhomme".

1780 - Entra em funcionamento a Aula Pública de Debuxo e Desenho do Porto, mais tarde chamada Escola Superior de Belas-Artes.

1852 - Em França é instituída a censura à imprensa.

1856 - Morre o poeta alemão Heinrich Heine, figura-chave do Romantismo, adversário da tirania e da “mediocridade satisfeita".

1857 - Assinatura da Concordata entre Portugal e a Santa Sé sobre o Padroado Português no Oriente. O Tratado será ratificado a 09 de abril de 1859.

1869 - Nasce, em Lisboa, o almirante Gago Coutinho.

1871 - Começa a III República Francesa, sob a presidência de Adolphe Thiers, com a deposição de Napoleão III.

1901 - Aparece o periódico Imparcial, dirigido por Abel de Andrade e Carneiro de Moura.

1903 - Abre a linha férrea da Régua até à fronteira de Portugal com Espanha.

1904 - Estreia-se a ópera "Madame Butterfly", de Giacomo Puccini, no Teatro Scala de Milão.

1911 - É suspenso o Diário da Tarde, de Sampaio Bruno.

1916 - Grande Guerra de 1914-18. O Reino Unido pede a Portugal a apreensão dos barcos inimigos estacionados em portos nacionais. Portugal concorda.

1934 - Nasce o violoncelista e pedagogo holandês Anner Bylsma, músico determinante na recuperação do repertório antigo e barroco. Prémio Pablo Casals.

1936 - O Pacto Comercial anglo irlandês põe termo à guerra das tarifas sobre os produtos transacionados entre os dois países.

1940 - II Guerra Mundial. Começa, em Londres, a evacuação de 400 mil crianças em idade escolar para zonas rurais.

1961 - O ministro português da Defesa, general Botelho Moniz, reúne-se com o embaixador dos EUA em Lisboa, Elbrick, procurando apoios para uma tentativa de liberalização da política da ditadura de Oliveira Salazar.

- Regressa a Lisboa o paquete Santa Maria, desviado pelo capitão Henrique Galvão, numa tentativa de denúncia internacional da ditadura portuguesa.

1969 - O Peru assina o primeiro acordo comercial com a URSS.

1970 - A vaga de prisões da PIDE/DGS abrange Raul Rego, diretor do jornal República, o advogado Francisco Salgado Zenha e Jaime Gama.

1974 - É criada a Universidade do Minho.

1975 - Surge o ELP - Exército de Libertação de Portugal, organização terrorista de extrema direita.

- Greve geral nos liceus e nas escolas técnicas e comerciais portuguesas.

1976 - A França reconhece a República Popular de Angola. É o primeiro país ocidental a estabelecer relações diplomáticas com a nova nação.

1979 - Tropas chinesas invadem o Vietname.

1982 - É criado o Conselho Nacional para a Investigação Científica e Tecnológica.

- Morre Lee Strasberg, fundador do Actor's Studio, de Nova Iorque, escola de drama que pôs em prática o "Método" (do russo Stanislavsky), processo que marcou atores como Marlon Brando, Paul Newman, Dustin Hoffman ou Al Pacino.

1986 - Nove países da CEE assinam, no Luxemburgo, o Acto Único Europeu, que modifica, pela primeira vez, o Tratado de Roma.

1988 - Começa o julgamento de Branca dos Santos, chamada “a banqueira do povo”, em Lisboa.

1989 - Independência da Namíbia.

1991 - António Mascarenhas Monteiro, 47 anos, é eleito presidente da República de Cabo Verde, sucedendo a Aristides Pereira.

1993 - A TAP extingue a Air Atlantis.

1995 - Começa o XVII Congresso do PSD que levaria à eleição de Fernando Nogueira para a presidência do partido.

1999 - O CDS-PP ratifica o acordo para a constituição da Alternativa Democrática.

2000 - A Microsoft lança o sistema operativo Windows 2000.

2001 - Naufraga, ao largo da cidade de Saint Raphael, na Riviera francesa, o navio que transportava 900 emigrantes clandestinos de origem curda, entre os quais 300 crianças.

2002 - Morre a atriz portuguesa, Teresa Roby, 45 anos, rosto para "Idade Maior", de Teresa Villaverde, prémio de melhor interpretação no Festival de Cinema de Dunquerque.

2003 - Os líderes dos Quinze adotam, em Cimeira extraordinária, a declaração sobre o Iraque, admitindo a inevitabilidade da guerra "em último caso".

- Londres introduz o sistema de portagens eletrónicas para reduzir a circulação automóvel no centro da cidade.

2004 - O julgamento de dez pessoas, pela prática de aborto, no Tribunal de Aveiro, termina com a absolvição dos arguidos.

2005 - Um agente da PSP é abatido no bairro da Cova da Moura, Amadora.

- O diretor do Teatro Nacional de S. Carlos anuncia o cancelamento das óperas “Wozzeck”, de Alban Berg, e de “O Rapto do Serralho”, de Mozart, antecipando o fim da temporada, por falta de pagamento do Ministério da Cultura.

2006 - Toma posse a Entidade Reguladora para a Comunicação Social.

- Assinatura do contrato de aquisição ao consórcio espanhol EADS de 12 aviões C-295, para a Força Aérea Portuguesa.

- Morre António Neves Ribeiro, 67 anos, vice-presidente do Supremo Tribunal de Justiça.

2007 - O ator e realizador norte-americano Clint Eastwood é condecorado pelo presidente francês, Jacques Chirac, com a Ordem Nacional da Legião de Honra.

- O filme “Tu ya de hun shi/O Casamento de Tuya”, do realizador chinês Wang Quan´na, ganha o Urso de Ouro do 57º Festival Internacional de Cinema de Berlim. O Grande Prémio do Júri vai para “El Outro”, do argentino Ariel Rotter.

- Morre Maurice Papon, 96 anos, o único alto funcionário do governo de Vichy condenado por crimes contra a humanidade pelo papel na deportação de judeus durante a ocupação nazi

2008 - O Parlamento do Kosovo aprova por unanimidade e aclamação a declaração unilateral de independência desta província sérvia de população maioritariamente albanesa

2009 - O presidente norte-americano, Barack Obama, assina o plano de relançamento económico de 787 mil milhões de dólares.

- Morre Conchita Cintrón, cavaleira tauromáquica peruana, primeira toureira internacionalmente conhecida, 86 anos.

 

18

1899. Nascimento de António Aleixo, poeta popular.

1911. O novo regime republicano institui o Registo Civil obrigatório.

1933. O Movimento Nacional-Sindicalista, organização fascista portuguesa, realizou no Palácio das Exposições, no Parque Eduardo VII, em Lisboa, o primeiro de uma série de banquetes realizados em várias cidades do país, com o intuito de reforçar o carácter revolucionário do regime saído do 28 de Maio de 1926, que se preparava para se institucionalizar em torno de Salazar com a aprovação da constituição a realizar por meio do plebiscito de 19 de Março de 1933.

 

19

Dia do Esportista

1649.
Segunda Batalha dos Guararapes, no Brasil, em que o exército holandês que ocupava Pernambuco, no Nordeste do Brasil, é derrotado pelo exército de Francisco Barreto. A primeira batalha tinha sido travada no ano anterior, com vitória portuguesa.

1766.  Abertura solene do Real Colégio dos Nobres, cinco anos após ter sido criado (7 de Março de 1761).

1906. Nascimento da primeira companhia de cornflakes, por William Kellog. Os flocos de milho eram utilizados na alimentação de doentes psiquiátricos.


20

1720. Criação da capitania de Minas Gerais, separada da de São Paulo, devido à descoberta das minas de ouro.

1756. Lei que concedeu vários privilégios aos criadores de bichos-da-seda.

1978. Falecimento de Vitorino Nemésio, escritor e professor universitário.



21

Dia da Conquista do Monte Castelo (1945)

Data Festiva do Exército

1970.
A União Nacional decide transformar-se na Acção Nacional Popular (ANP).

1976. Portugal reconhece oficialmente a República Popular de Angola.


22

1797. Criação da Companhia de Seguros Tranquilidade Recícropa.

1828. Regresso a Lisboa de D. Miguel, que jura a Carta Constitucional, assume a regência e nomeia um novo ministério.

1912. Assinatura com a Marconi do contrato para introdução da telegrafia sem fios em Portugal.

1924. Manifestação em Lisboa, convocada pelas Juntas de Freguesia, contra a degradação das condições de vida, devido à desvalorização monetária e à inflação galopante.

1933. O texto da futura Constituição de 1933 é publicado no Diário do Governo.

1975. É abolida a Dissertação de Licenciatura na Faculdade de Letras da Universidade Clássica de Lisboa.

 

23

1823. Rebelião contra-revolucionária do general conde de Amarante, e de outros oficiais afastados do poder em finais de 1820.

1869. Abolição de todas as formas de escravatura em todos os domínios portugueses.

1911. Os bispos portugueses tomam posição contra as medidas anticlericais do regime Republicano, como fossem a expulsão das congregações, a lei do divórcio e o fim do juramento religioso.

1917. O segundo contingente do Corpo expedicionário português parte para França. O primeiro contingente tinha partido em 30 de Janeiro.

1918.  O governo de Sidónio pais altera a Lei da Separação entre o Estado e a Igreja, restituindo ao clero parte dos seus poderes nas questões referentes ao culto.

1919. Mussolini funda o Partido Fascista Italiano.

1944. É criado o Secretariado Nacional de Informação, Cultura Popular e Turismo (SNI), que substitui o Secretariado da Propaganda Nacional (SPN). António Ferro, director do SPN, dirige a nova estrutura.

1974. O General António de Spínola, antigo governador-geral da Guiné, publica o livro Portugal e o Futuro, no qual contesta a política colonial do governo e defende a liberalização do regime.

1987. Morre Zeca Afonso, cantor, poeta e músico. Cantor de Grândola, Vila Morena, canção que simboliza o 25 de Abril de 1974.

 

24 Promulgação da 1ª Constituição Republicana (1891) (Brasil)

1530 - Coroação de Carlos V, em Bolonha.
1582 - Gregório XIII estabelece o calendário gregoriano.
1607 - Estreia de “Orfeo”, ópera de Monteverdi, o primeiro “drama per musica” na base da ópera moderna, depois dos ensaios de Jacopo Peri e Giulio Caccini, no âmbito da Camerata Fiorentina.
1704 - Morre o compositor francês Marc Antoine Charpentier, nome maior da oratória Barroca.
1777 - Morre o rei D. José. Começa o reinado de D. Maria I.
1786 - Morre Wilhelm Grimm, filólogo e escritor alemão, autor, com o irmão Jacob, dos “Contos de Grimm”.
1821 - Independência do México.
1842 - É proclamada a restauração da Carta Constitucional, no Porto. D. Maria II entrega o Governo ao duque da Terceira.
1843 - Nasce Teófilo Braga, escritor, filólogo e político português.
1891 - É promulgada a primeira Constituição do Brasil.
1891 - Nasce o ator Ernestino Augusto Costa, Costinha, nome determinante para o teatro português de Revista.
1895 - Começa a Guerra da Independência de Cuba, liderada por José Marti.
1901 - A Igreja Ortodoxa excomunga o escritor russo Leon Tolstoi, autor de “Guerra e Paz”.
1903 - Os EUA adquirem a base naval de Guantanamo, em Cuba.
1912 - António José de Almeida funda o Partido Evolucionista. Divide-se o Movimento Republicano.
1917 - Esboça-se o início da Revolução de Outubro, com a greve geral e a eclosão de manifestações em Petrogrado.
1920 - É constituído o Partido Nacional Socialista Alemão, o partido nazi de Adolf Hitler, em Munique.
1927 - Nasce David Mourão-Ferreira, escritor e pedagogo, autor de “Entre a Sombra e o Corpo” e de “Um Amor Feliz”.
1935 - A ditadura do Estado Novo determina a criação do Conselho Técnico Corporativo do Comércio e da Indústria, para controlo da actividade económica.
1946 - Juan Domingo Perón assume a Presidência da Argentina
1969 - Os EUA lançam a sonda espacial Mariner-6, destinada a Marte.
1971 - A Argélia nacionaliza as companhias petrolíferas francesas que operam no país.
1977 - O presidente dos EUA James Carter reduz o auxílio à Argentina, Uruguai e Etiópia, pelas violações dos direitos humanos nestes países.
1978 - O ministro português do Assuntos Sociais António Arnault apresenta o Serviço Nacional de Saúde. O Estado português consagra, pela primeira vez, o acesso universal aos cuidados de saúde, de acordo com a Constituição de 1976.
1983 - É inaugurado o sistema de telecomunicações Atlas, que permite as ligações diretas entre Portugal, o norte de África e a Europa mediterrânica.
1991 - Guerra do Golfo. Começa a ofensiva terrestre das forças aliadas contra as tropas iraquianas no Kuwait, às 01:28, hora de Lisboa, com o avanço de um milhão de soldados e dez mil blindados.

1995 - Conferência Internacional de doadores para Angola, em Genebra. As promessas de ajuda à recuperação do país sobem a 171 milhões de dólares.

2002 - Morre o dramaturgo e pedagogo inglês de origem húngara Martin Esslin, 83 anos.

2003 - O Comissário Europeu de Justiça e Interior António Vitorino é condecorado com a Grã Cruz de São Raimundo de Penhafort, do Estado espanhol.

- Timor-Leste toma o lugar de 115º Estado membro do Movimento dos Não-Alinhados.

2004 - É encontrada morta a irmã Doraci Edinger, que alertara para o tráfico de órgãos, em Nampula, Moçambique.

- George W. Bush sanciona a emenda à Constituição dos EUA que proíbe o casamento entre pessoas do mesmo sexo.

2005 - José Sócrates, líder do PS, é convidado a formar Governo.

- O Royal Mail lança uma série de seis selos com pinturas da artista Paula Rego.

2006 - Anúncio da entrada em vigor do subsídio para idosos, com rendimentos inferiores a 300 euros mensais, até 2008, um ano antes da data anunciada.

- Gripe das aves. O vírus H5N1 é detetado pela primeira vez na Geórgia.

- Morre Dennis Weaver, 81 anos, ator norte-americano, o detetive da série televisiva “Mc Cloud”.

2007 - O Ministro da Saúde, Correia de Campos, assina protocolos com seis municípios - Espinho, Montijo, Fafe, Cantanhede, Santo Tirso e Macedo de Cavaleiros, com vista à reestruturação da rede de urgências.

- Rafael Branco é eleito presidente do MLSTP-PSD, o maior partido da oposição em São Tomé e Príncipe.

- O filme “Lady Chatterley”, Pascale Ferran, é o grande vencedor da 32ª edição dos Césares da Academia de Cinema Francesa, com cinco prémios - melhor filme, melhor actriz, melhor guião adaptado, melhor guarda-roupa e melhor fotografia.

- Morre Leroy Jenkins, 74 anos, violinista e compositor norte-americano, expoente do free-jazz na década de 60, atuou no Jazz Em Agosto, em Lisboa, em 2000.

- Morre Mário Chanes de Armas, 80 anos, ex-prisioneiro político cubano e antigo companheiro de Fidel Castro.

2008 - Raul Castro sucede oficialmente ao irmão Fidel na chefia do Estado cubano, eleito pela nova Assembleia para um mandato de cinco anos. O novo presidente de Cuba anunciou que vai avançar com uma reestruturação da Administração Pública e saudou efusivamente o presidente e as forças armadas da Venezuela

- O candidato comunista Demetris Christofias vence a 2ª volta das eleições presidenciais no Chipre, com 53,63% de votos, contra 46,6% para o seu adversário conservador, Ioannis Kasoulides

- Os mais cobiçados prémios de cinema, os Óscares, atingem os 80 anos, com uma cerimónia dominada pelos filmes “Este país não é para velhos” que venceu nas categorias de Melhor Filme, Melhor Realizador e Melhor Ator Secundário (Javier Bardem). “Haverá sangue” foi distinguido como Óscar de Melhor Ator (Daniel Day-Lewis)

 

25

1970. Pedido de aprovação pelo Presidente da República dos estatutos da Associação para o Desenvolvimento Económico e Social (SEDES), apresentada por 147 individualidades, vindas da ala liberal do regime, de sectores católicos progressistas, e de correntes republicanas e socialistas.

 

26

1885. Assinatura da Acta Final da Conferência de Berlim, que partilha a África entre as potências europeias.

1916. Estreia, em Lisboa, a peça A Maluquinha de Arroios.

1939. Manifestação dos Sindicatos Nacionais, Casas do Povo e Casas dos Pescadores de apoio à política corporativista do governo de Salazar.

1975. É publicado a "Lei de Imprensa."

 

27

Dia dos Idosos

Dia do Agente Fiscal da Receita Federal


1641. É abolido o imposto das meias-anátas, um dos mais odiados pela população portuguesa durante o domínio espanhol.

1933. Incêndio do Parlamento Alemão (Reichtag), utilizado por Hitler para suspender a Constituição e as liberdades civis.

1950. A União Indiana apresenta a Portugal uma proposta de negociação da integração do Estado Português da Índia, no novo país.

1978. A Presidência, a Assembleia e o Governo da República repudiam oficialmente o pedido do dirigente líbio Kadhafi para a independência da ilha da Madeira, considerada pela Organização de Unidade Africana como pertencendo a África.

1983. Mota Pinto é eleito presidente do PSD, pelo 10.º Congresso do partido.

 

28

1736. Por decreto, a Coroa portuguesa, obriga a que o transporte de ouro, diamantes e outras pedras preciosas do Brasil, se faça exclusivamente nos cofres das frotas.

 

29

1796. Criação da Real Biblioteca Pública da Corte e do Reino. Abrirá ao público em 13 de Maio de 1797.

1891. Nascimento o Fadista Alfredo Marceneiro. Morreu em 26 de Agosto de 1982.

 


sa specials

titulo

internet
Google
Bing

Yahoo
Gmail
Hotmail
Skype
Google Talk

eBuddy Download.com
informação
Wikipedia
Conhecer a Crise
Internet Segura
Estradas
Mais Gasolina
Radares
Câmbios
Conversor

Farmácias
notícias
Público
J.Notícias
Expresso
iOnline
The Economist
Dinheiro
Vivo

M&Publicidade
Mashable
Engadget

BLITZ
Relvado
utilidades
G. Docs
Priberan
Dicionários

G.Tradutor
Código Postal
Pág.Amarelas
Google Maps
Pixlr
We Transfer

Dropbox
MBDox
serviços
Seg. Social
P. Finanças
P. Cidadão
P. Empresa

Empresa H.

I. Emprego
Eures

P. Juventude

Porta 65

Saúde 24

P. Escolas
sociedade
Voluntariado
Banco Alimentar
Cartão Solidário
Presentes
Fundação do Gil

Projecto TIO

Car Pool

Por 5 Euros
Deco Proteste
P. Consumidor
Encontra-me
comunidade
Facebook
Twitter

Linkedin
Universia

Behance
Tumblr

Pinterest

Picasa
Flickr
Olhares
Coleccionistas
lazer
Guimarães 2012
You Tube
Grooveshark
Timeout
Cartaz Cinema

TicketLine
Vodafone.fm
Cotonete

Just For Fun

Anti-stress


Arquivos dos jornais | Ficha Técnica | Contactos| Comentários | Efemérides | Ligações Utéis | Fundo de Ecrã | Jogos em Linha


A Voz de Portugal é o mais antigo semanário de língua portuguesa no Canadá
Fundado no dia 25 de Abril de 1961, em Montreal, Quebeque, Canadá.
4231-B Boul. St-Laurent, Montreal (Quebeque) Canadá H2W 1Z4
Tel.: (514) 284-1813 - Fax: (514) 284-6150